[Resenha] É assim que Acaba - Colleen Hoover


É assim que Acaba || Romance , Drama , New Adult || Colleen Hoover || 368 || 2018 || Galera Record 


Sinopse:
Um romance sobre a força necessária para fazer as escolhas corretas nas situações mais difíceis. Da autora das séries Slammed e Hopeless.
Lily nem sempre teve uma vida fácil, mas isso nunca a impediu de trabalhar arduamente para conquistar a vida tão sonhada. Ela percorreu um longo caminho desde a infância, em uma cidadezinha no Maine: se formou em marketing, mudou para Boston e abriu a própria loja. Então, quando se sente atraída por um lindo neurocirurgião chamado Ryle Kincaid, tudo parece perfeito demais para ser verdade. Ryle é confiante, teimoso, talvez até um pouco arrogante. Ele também é sensível, brilhante e se sente atraído por Lily. Porém, sua grande aversão a relacionamentos é perturbadora. Além de estar sobrecarregada com as questões sobre seu novo relacionamento, Lily não consegue tirar Atlas Corrigan da cabeça — seu primeiro amor e a ligação com o passado que ela deixou para trás. Ele era seu protetor, alguém com quem tinha grande afinidade. Quando Atlas reaparece de repente, tudo que Lily construiu com Ryle fica em risco. Com um livro ousado e extremamente pessoal, Colleen Hoover conta uma história arrasadora, mas também inovadora, que não tem medo de discutir temas como abuso e violência doméstica. Uma narrativa inesquecível sobre um amor que custa caro demais.




D
estruidor, arrebatador, altamente viciante! Esses são leves adjetivos que me vem à mente enquanto encerro a leitura de mais um livro de Coho. Com maestria Coho cria personagens apaixonantes e revoltantes, com personalidades bem construídas eles são capazes de te fazer amar e odiar com a mesma intensidade e em questão de segundos.

Lily se mudou recentemente para Boston, em busca de uma vida estabilizada e longe do seus pais, ou para ser mais exata, do seu pai, um homem que não lhe traz boas lembranças já que na maioria ele está agredindo sua mãe. E é depois do velório dele, em cobertura de um prédio que ela conhece Riley, um neurocirurgião gato que tem como principal objetivo na vida ser brilhante na sua carreira e nada mais.

Só que com o tempo a atração fala mais alto e Rile acaba se rendendo ao encantos de Lily, só que tanto Lily quanto Rile possuem um passado tenebroso que pode interferir nas suas vidas. Lily guarda no coração um amor por Atlas, seu primeiro amor da adolescência, e Rile esconde um segredo que pode transformá-lo em uma pessoa agressiva e sem controle.

Durante a narrativa, que se alterna entre o passado e o presente de Lily, vamos conhecer sua história com Atlas e acompanhar seu envolvimento com Ryle, e é impossível, acredite, não se apaixonar por Ryle. Ele é lindo, quente, bem sucedido e super divertido, o homem que todas nós gostaríamos de ter, mas quando enfim, em um momento de fúria ele coloca suas garras para fora, a dor da personagem é a nossa dor.


Quinze segundos. Só isso já basta para mudar completamente tudo sobre uma pessoa. Quinze segundos que nunca teremos de volta.


No meio da trama Atlas reaparece na vida de Lily, e isso causará alguns problemas para ela, e deixará não só o dela, mas o nosso coração confuso, por muitas vezes me vi desejando que a história tivesse uma reviravolta e ela acabasse com Atlas, mas eu ainda estava apaixonada por Ryle e queria perdoá-lo, mas como?

Com uma escrita intensa, CoHo construiu para mim, uma das suas melhores obras já lançadas, e olha que sou apaixonada por tudo que ela escreve, mas nesse livro, assim como a própria autora disse em sua nota, a história não foi criada para distrair e sim para instruir. Com um tema pesado, É assim que acaba vai levar muitas pessoas a questionar seu ponto de vista e sim, e com certeza gerará discussões saudáveis entre seus leitores, assim como fez comigo. Você perdoaria alguém que te agredisse? Ryle merece perdão? Confesso que me vi dividida entre perdoar e fugir, mas essa é uma atitude que apenas Lily pode tomar.

Impedir o coração de perdoar uma pessoa que você ama é, na verdade, muito mais difícil que simplesmente perdoá-la.

CoHo nos presenteou com três personagens incríveis, quebrados, cheios de traumas e ainda sim com muita vontade de prosperar e ser feliz. Personagens fortes e auto suficientes para tomarem decisões e fazerem seus leitores refletirem. A leitura é pesada, viciante e muito, muito emocionante. Talvez por conhecer o contexto da agressão de perto na minha infância, tanto o enredo quanto os personagens me tocaram profundamente, e meu choro não era um choro de lady, eram lágrimas densas e sussurros abafados como o de um animal atacado e recluso.

Se você ainda não conhece Coho, talvez essa enfim seja sua hora, se já conhece não pense de forma alguma que já sabe o que já sabe o que esperar desse livro, pois acredite, eu também achava. Uma leitura instrutiva, questionadora e com certeza formadora de opinião. Se você gosta de livros que te fazem ver o mundo com outros olhos, respire fundo, prepare a caixa de lenços e se arremesse nesse lindo e apaixonante New Adult.

Vale lembrar que o livro foi baseado em fatos reais, experiências da própria infância da autora, então quando terminar de ler, dê uma olhada na nota explicativa da autora e entenda um pouco mais esses personagens. Um livro que vale nota 10!





10 comentários:

  1. Oi, Kelly!
    Eu estou super alucinada para ler esse livro. Sério mesmo!
    Nossa! vai vir surpresas então se a gente não consegue saber nada desse livro só pela sinopse. Estou bem curiosa!!
    Beijão!
    https://www.instagram.com/juntodoslivros/
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris,
      hahahahah não dá mesmo para saber, tanto a trama quanto o final são inesperados e causadores de discórdia. Leia, você vai amar.

      Bjs

      Excluir
  2. Oii Kelly tudo bem?
    Acho realmente muito lindas essas edições e fiquei feliz de saber a sua opinião, não sou muito chegada nos livros da Colleen, mas sei o quanto faz sucesso e fico feliz que tenha gostado da obra.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgs,
      Linda mesma a edição, eu amo Colleen então sou bem suspeita para falar kkk.

      Bjs

      Excluir
  3. Oi, Kelly.
    Faz bastante tempo que não leio nada dessa autora, mas agora fiquei bem curiosa! Vou tentar colocá-lo na minha lista de leituras!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camis,
      Também estava em abstinência de CoHo, mas coloca sim, aposto que vai gostar muito do livro.

      Bjs

      Excluir
  4. Caramba... Intensa sua resenha! Amei!
    Eu estava em duvida se comprava ou não esse livro, mas acho que essa duvida já acabou!
    Vou comprar o quanto antes!
    Parabéns pela resenha!!

    Beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana,
      Obrigadaaaaaaa compra sim, lê e me diz o que achou, tem muita opinião contrária nesse livro hahahahah

      Bjs

      Excluir
  5. Olá
    Os livros dessa autora sempre chama a atenção de muitas pessoas que eu conheço, minha amiga é viciada nela, E ela vive a mim indicar as obras, mas ainda não li nada. Achei a trama desse livro muito bacana e fico feliz que você tenha gostado bastante assim. Quem sabe daqui a algum tempo eu não leio a obra e vejo o que acho rsrs, obrigado pela sua super dica é até mais ver
    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Manoel,
      Se for se arriscar comece por esse mesmo hahahah, e obrigada. Eu amo CoHo então são sempre leituras bem intensas.

      Bjs

      Excluir

Seja bem vindo!
Muito obrigada pelo seu comentário, sua visita é muito importante para o Paraíso!!
Volte sempre

Tecnologia do Blogger.