[Resenha] O Fogo entre a Névoa #01 - Renée Ahdieh

O Fogo entre a Névoa - Livro 01 || The Flame in the Mist #01 || Fantasia , YA || Renée Ahdieh || 400 || 2018 || GloboAlt 

Sinopse:
HATTORI MARIKO, filha de um respeitado samurai, sabe perfeitamente qual o seu lugar na sociedade. Mariko nasceu mulher e, justamente por isso, sempre ouviu que seu futuro não estava em suas mãos. Aos dezessete anos, ela está prestes a se casar com o filho do imperador, num casamento político que promete elevar ainda mais a posição de sua família. Aparentemente conformada com seu destino, ela inicia sua jornada até a cidade imperial de Inako, acompanhada dos mais prestigiosos samurais e de seus servos mais fiéis.
Mas Mariko sequer consegue chegar à Inako: sua carruagem é violentamente atacada na misteriosa Floresta Jukai, com nenhum sobrevivente. Ao escapar por pouco, ela aproveita a liberdade de ser dada como morta e, vestida como um simples camponês, parte em busca de vingança contra o Clã Negro, grupo rebelde supostamente responsável pelo crime.
No entanto, ao se aproximar do líder do Clã e de seu braço direito, ela se depara com uma história de segredos, traição e assassinato, que a fará questionar tudo o que sabe. Mais que isso, Mariko aprenderá o significado de amizade e amor em um mundo onde todos a querem morta.

D
epois de uma temporada angustiante de abstinência de Renée e seus mundos fantásticos, enfim a Globo lança o primeiro volume da nova série da autora. The Flame in te Mist, promete ser uma adaptação de Mulan com o contexto histórico do Japão Feudal.

Não desvie o olhar.

Quem não conhece a história da jovem japonesa que se veste de menino, e parte para a guerra para salvar sua família e proteger seu amado pai?Mula é filha única. Mulan é a minha guerreira favorita, dos filmes da Disney, ela com certeza é a representatividade da mulher e origem do Girl Power! Então imagina meu frenesi quando recebi esse livro?

Em O Fogo entre a Névoa, vamos conhecer e acompanhar a saga de Hitori Mariko, a filha de um dos maiores chefes de clã samurais. Mariko foi oferecida em casamento para Raiden, o filho do imperador para que seu pai obtivesse mais valor e lucros mediante o Imperador. Mas no decorrer do caminho até o palácio, a caravana de Mariko é brutalmente atacada, e a menina sai viva por bem pouco.

Revoltada com sua condição; vendida pelo pai, e atacada por criminosos, Mariko resolve que não mais deixará que sua vida seja levada e comandada por homens, ela quer saber qual o motivo do atentado e quem é o mandante, e é nesse momento que ela resolve se vestir de menino, e adentrar o Clã Negro, se aliar ao inimigo e descobrir sua fraqueza para destruí-lo.

O Clã Negro é um grupo seleto de rapazes que aparentemente agem como Samurais mercenários, pelo menos é assim que Mariko, agora Takeda, acredita serem seus inimigos, porém ao se aproximar do bando, a menina vai descobrir que existe muito mais bondade do que terror nas atitudes do clã, e que a mentira estava mais perto do que ela imaginava.


Esse é o problema sobre usar máscaras. Elas podem ser arrancadas a qualquer momento.

Mas mesmo assim Mariko não me conquistou 100%, talvez viver a sombra de Sherazad seja algo um pouco pesado, mas confesso que fui nessa empolgação, e acho que faltou algo em Mariko. Nossa protagonista aqui apesar de ser decidida e acabar sim, alterando o rumo da sua história e fazendo a diferença, é destrambelhada a beça, se deixa levar pelo impulso e acaba tendo atitudes bem imaturas causando alguns danos no decorrer do enredo, e apesar de Renée ressaltar inúmeras vezes a inteligência da personagem, confesso que fiquei procurando onde e não achei.

Mas nada está perdido, já que no decorrer do enredo é possível vislumbrar o amadurecimento de Mariko, que toma atitudes um pouquinho mais maduras e age com menos ímpeto aos acontecimentos finais, isso me deixa na esperança de que Mariko me surpreenda no próximo volume, me mostrando uma mulher forte, uma guerreira inteligente.

Renée conseguiu mais uma vez criar uma história fantástica, se utilizando da fórmula base que fez sucesso em A Fúria e a Aurora, ela prova que se a fórmula for boa pode sempre funcionar. O livro possui uma pesquisa profunda nos contextos históricos do japão da época feudal, tanto personagens, quanto cultura e cenário foram muito bem desenvolvidos, com descrições que prometem encantar o leitor e levá-lo em um longo passeio por essa cultura tão rica em cores e beleza.

Seja suave como o vento. Silenciosa como a floresta. Feroz como o fogo. Inabalável como a montanha. E você poderá fazer qualquer coisa.

Um livro tem um toque de Mulan e nos faz lembrar do anime, mas além do fato de Mariko ter se vestido de menino, nada mais se compara, vi muitas críticas negativas apontando essa falha, é preciso ter noção que Mariko não é a Mulan, a comparação é apenas o fato de se fazer passar por outro e claro, provar que mesmo menina é capaz de executar certas tarefas tão bem quanto os meninos.

Os personagens secundários são encantadores, impossível não gostar e se divertir com os meninos, assim como é impossível não se apaixonar pela irmã de pela irmã de Okami, que carrega com sigo a graça e feminilidade das belíssimas Gueixas.

Se você está ansioso por essa leitura, e assim como eu é fã de A Fúria e a Aurora, meu conselho é: Não vá com muita cede ao pote, Mariko ainda está amadurecendo e pode te irritar no decorrer das páginas. Conselho dado, siga em paz com leitura e desfrute desse cenário e cultura encantadores e inigualáveis!!!





Smoke in the Sun ( Fumaça ao Sol )


Durante semanas, Mariko, de dezessete anos, fingiu ser um menino para se infiltrar no notório Clã Negro e levar sua pretensa assassina à justiça. Ela não esperava encontrar um lugar para si mesma entre o grupo de lutadores - uma vida útil - e ela certamente não esperava se apaixonar. Agora ela se dirige ao castelo imperial para retomar uma vida que nunca quis salvar o garoto que ama.
Ōkami foi capturado e sua execução é uma certeza. Mariko fará o que deve para garantir sua sobrevivência - até se casar com o irmão do soberano, dizendo adeus a uma vida com Ōkami para sempre.Enquanto Mariko se instala em seus dias na corte - fazendo amigos e inimigos - e tentando resgatar Ōkami à noite, os segredos da corte real começam a se desmoronar quando agendas conflitantes colidem. Uma flecha coloca em movimento uma série de eventos mortais que a magia mais poderosa não pode conter. Mariko e Ōkami arriscam tudo para corrigir os erros do passado e restaurar a honra de um reino lançado no caos por uma guerra repentina, esperando contra a esperança de que quando a poeira baixar, eles encontrem um jeito de ficar juntos.
Tendo como pano de fundo o Japão feudal, Smoke in the Sun é a conclusão ardente, romântica e imperdível de uma aventura fascinante.

6 comentários:

  1. Já estou curioso pela história. Posso estar errado, mas imagino que Mariko cause uma revolução e não aceite sua posição definida de forma tão ignorante. Sua força e bravura revelarão a força a da mulher!
    Ótima sugestão!
    Abraços! ��

    ResponderExcluir
  2. Eu amo Mulan e não sabia sobre essa adaptação.
    Já me interessei pela premissa e fiquei interessada por essa leitura

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  3. Esse livro tem feito sucesso demais, todos os influenciadores que conheço ou estão lendo, ou tem algo pra falar dessa obra, minha curiosidade só aumenta! Hahahah. Eu acho bacana que a personagem principal tenha um tracinho de Mulan, já imagino quão forte ela deva ser;

    ResponderExcluir
  4. Adorei sua resenha e suas ressalvas. Não li nada ainda a autora e quando vi esse livro fiquei bem curiosa por se passar no japão feudal e ser um pouco baseada na linda Mulan. Estou ansiosa para ler em breve esse livro e os próximos.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Kelly. Eu não conhecia a série e até fiquei interessada na leitura, mas acredito que alguns pontos podem me incomodar. Pretendo dar uma chance à leitura, mas seguir o seu conselho de não ir com muita sede ao pote.

    ResponderExcluir
  6. Oi Kelly.

    Eu não conhecia este livro e fiquei bem interessada em lê-lo. Ainda mais depois que você mencionou que a história contém uma pesquisa profunda nos contextos históricos do Japão da época feudal. Despertou minha curiosidade. Sua dica está anotada e parabéns pela resenha.

    Bjos
    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Seja bem vindo!
Muito obrigada pelo seu comentário, sua visita é muito importante para o Paraíso!!
Volte sempre

Tecnologia do Blogger.