Deslembrança || Cat Patrick

Deslembrança || Não tenho passado. Minhas lembranças estão no futuro. || Fantasia , YA , Jovem Adulto || Cat Patrick || 250 || 2012 || Intrínseca 

Sinopse:
Toda noite, quando London Lane recosta a cabeça no travesseiro e dorme, cada mínimo detalhe do dia que viveu desaparece de sua memória. Pela manhã, restam-lhe apenas lembranças do futuro: pessoas e acontecimentos que ainda estão por vir. Para conseguir manter uma rotina minimamente normal, London escreve bilhetes para si própria e recorre à sempre fiel melhor amiga. Já acostumada a tudo isso, ela tenta encarar a perda de memória mais como uma fatalidade que como uma limitação. Mas, quando imagens perturbadoras começam a surgir em suas lembranças e London precisa, de algum modo, escapar delas, fica claro que para entender o presente e o futuro ela terá que decifrar o que ficou esquecido no passado.



London Lane tem apenas 16 anos, e apesar de parecer uma garota normal possui um segredo que compromete, e muito seu passado. Todos os dias às 4:33 da manhã a memória de Landon reseta, ou seja, ela se esquece de tudo que aconteceu ontem, mas como bônus, Landon vê coisas do futuro e sabe de coisas que ninguém mais sabe, e mesmo que ela não conte a ninguém, essas visões são sua âncora na vida.

Com o passar do anos ela vai se adaptando e aprendendo a conviver com essa falha que apenas sua mãe conhece, assim sendo, todos os dias antes de dormir, Landon escreve bilhetes sobre os acontecimentos do dia e dicas sobre o que esperar do amanhã. Com a ajuda da sua mãe aos poucos ela vai sobrevivendo.

Até que um belo dia Landon conhece Luke, e aos poucos eles vão se envolvendo, mas com a chegada de Luke, Landon tem uma lembrança, uma lembrança de seu passado a muito esquecido que pode mudar sua situação atual e trazer à tona coisas que ela não imaginava existir. Aos poucos Luke e Landon vão se reconhecendo e criando novas memórias enquanto aprendem a lidar com o futuro já conhecido, mas que pode ser alterado.

Deslembrança faz parte do grupo de livros que está na minha estante há anos, e apesar da capa fofa, com o passar do tempo fui passando leituras na frente e ele foi ficando para trás, agora depois de finalizar a leitura, penso que devia ter deixado ele lá, não me entendam mal, a leitura não foi ruim ou não teria terminado, mas o fim é descabido.

Este bilhete é para me lembrar de tudo de bom que eu tenho, desde as pessoas em minha vida até a capacidade que aparentemente eu possuo. Porque, sim, talvez eu vá sempre me esquecer do passado. Mas o que mais preciso me lembrar é do seguinte:
Também posso mudar o futuro.


London é uma personagem encantadora, e Luke é o garoto dos sonhos, se pudesse escolher alguém para ser meu primeiro amor, com certeza seria ele! Mas apesar de ter criado personagens encantadores sinto que a autora se perdeu aqui, deixando muita coisa sem resposta.

London não se lembra do ontem, mas sabe o que acontecerá no amanhã, quando ela começa a ter um sonho estranho acreditamos que seja um aviso do futuro, mas então ela descobre que isso é uma lembrança e o enredo começa a ficar confuso. Entre encontrar o pai, ajudar a amiga que não fala com ela ー já que ela não aceita o relacionamento de Jamie com um professor casado ー, descobrir sobre o sonho e entender porque não viu Luke no seu futuro, as informações vão se perdendo e o enredo vai ficando confuso, e para piorar, como num passe de mágica tudo se resolve e nada foi explicado.

O enredo possui muitas possibilidades, trabalhar com o futuro abre uma gama gigantesca de oportunidades das quais a autora não soube aproveitar, mesmo durante a leitura se torna difícil entender como Landon sabe o que vai acontecer no futuro, não dá pra entender se ela sonha, vê ou lembra, só nas últimas páginas fica claro como acontece.

Mas apesar das pequenas falhas o romance entre os personagens é fofo, Luke é um menino de ouro, e seu amor aquece o coração, não é fácil conquistar uma mulher todos os dias já que ela não se lembra de você. O que me faz lembrar do filme Como se fosse a primeira vez, com Adam Sandler, onde ele se vê conquistando a mesma mulher todos os dias, justamente porque a memória dela é apagada todas as noites. Se você é do tipo que não se importa com explicações, Deslembrança pode ser uma bela distração.

Enfim Deslembrança tinha tudo para ser perfeito, mas faltou enredo, ainda sim como primeiro livro da autora posso dizer que ela lida bem com as palavras e sabe como prender o leitor.


8 comentários:

  1. Oie Kelly
    Tudo bem?

    Primeiramente, a sinopse realmente me fez lembrar do filme Como se fosse a primeira vez, e imaginei que seria uma ótima experiência literária. Fiquei triste em saber que mesmo com todo o potencial que a autora tem com a escrita e com um enredo interessantissimo, ela perdeu os pontos e o fio que liga os acontecimentos até o desfecho, e ainda deixou o leitor de fora, visto que as coisas não são explicadas e tudo se acomoda como num passe de mágica, conforme disseste kkk . Mas para tudo, existe o lado bom da experiência. ótima resenha.

    Bjos e Cheiros
    Insta: @anakaroline_gc
    http://www.livreando.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karol,
      Muito obrigada, e realmente o romance valeu a distração apesar dos pesares hahaha.

      Beijokas

      Excluir
  2. Oi, que pena que a autora não desenvolveu a história de forma satisfatória, mas pelo menos o romances foi legal. Ainda não li o livro e acho a premissa interessante, mas falta de explicações me incomodam muito.

    ResponderExcluir
  3. Oi Kelly, é muito ruim quando isso acontece. A capa é linda, a sinopse incrível... mas fica só nisso mesmo. Já tive algumas decepções literárias que, confesso a você, se tivesse lido apenas a sinopse, a história teria ganho meu coração, pois o final é sem conexão alguma com o começo e você se pergunta onde foi parar toda aquela história ótima que te conquistou... =/
    Como tudo tem um lado bom na vida, ao menos a capa é fofa e você a terá deixando sua estante mais bonita... rsrs
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    ResponderExcluir
  4. Que máximo que vc também está conseguindo desencalhar livros antigos da estante, estou nessa vibe também. Sucesso pra nós!!! Em relação ao livro ... tenho e já li anos atrás é diferente de você gostei e tenho um carinho enorme por essa história. Concordo que a autora poderia ter explicado melhor algumas coisas citadas etc, mas penso que ela pensava em escrever uma continuação que não rolou. Mas enfim para mim na época funcionou, não sei como eu reagiria hoje se o lesse como vc fez. Enfim o importante foi que vc leu alho pendente agora pode trocar, doar ou vender o livro. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, Kelly!
    Apesar de conhecer o livro pela capa, não sabia do que se tratava a história, gostei da temática e já sei que quando encontrar o livro por aí, vou querer comprá-lo, mesmo você tendo dito que faltou enredo ao livro.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Ainda não conhecia esse livro, mas gostei da sua resenha. Uma pena que tenha faltado algo sabe? Tinha tudo para ser um excelente romance. De qualquer forma, me chamou atenção e fiquei curiosa para saber mais sobre os personagens e até mesmo me apaixonar por Luke.

    Beijos,
    www.psamoleitura.com

    ResponderExcluir
  7. Olá tudo bem? não conheço o livro mais é triste saber que o livro não deu continuidade nas ações e acontecimentos apresentados isso pode se tornar um problema mesmo durante a leitura, enfim espero que suas próximas experiências possam ser melhores, beijos!

    ResponderExcluir

Seja bem vindo!
Muito obrigada pelo seu comentário, sua visita é muito importante para o Paraíso!!
Volte sempre

Tecnologia do Blogger.