A Heroína da Alvorada || Alwyn Hamilton

A Heroína da Alvorada - Livro 03 || A Rebelde do Deserto #03 || Fantasia , Aventura , YA || Alwyn Hamilton || 384 || 2018 || Seguinte 

Sinopse:
No último volume da trilogia A Rebelde do Deserto, Amani vai se deparar com a escolha mais difícil que já teve que fazer: entre si mesma e seu país.

Quando a atiradora Amani Al-Hiza escapou da cidadezinha em que morava, jamais imaginava se envolver numa rebelião, muito menos ter de comandá-la. Depois que o cruel sultão de Miraji capturou as principais lideranças da revolta, a garota se vê obrigada a tomar as rédeas da situação e seguir até Eremot, uma cidade que não existe em nenhum mapa, apenas nas lendas — e onde seus amigos estariam aprisionados.
Armada com sua pistola, sua inteligência e seus poderes, ela vai atravessar as areias impiedosas para concluir essa missão de resgate, acompanhada do que restou da rebelião. Enquanto assiste àqueles que ama perderem a vida para soldados inimigos e criaturas do deserto, Amani se pergunta se pode ser a líder de que precisam ou se está conduzindo todos para a morte certa.

Depois da emboscada que resultou na captura de Ahmed, Shazad e Delila, Amani se vê obrigada a comandar a rebelião, não existe outro para tomar o papel, e depois de tantas baixas a rebelião não pode parar.

A guerra tomava vidas e mudava as dos sobreviventes.


Impulsionada pela ânsia de salvar seus amigos, ela se vê obrigada a fazer escolhas, tomar decisões e bolar planos que sejamos sinceros, praticamente nunca dão certo, apesar de Amani ter a garra necessária ela não possui a destreza e a inteligência tática da Shazad e muito menos o bom senso de Ahmed, o que pesa e muito nas suas atitudes fazendo assim, com que mais uma penca de inocentes seja assassinados. 

Em meio ao desespero ela apela para o único Djini que se encontra “livre” das mãos do sultão, e assim ela decide que vai atrás do Devorador de Pecados para libertar seus amigos!!! Poder, magia e guerra estão ao seu redor, vidas dependem de sua ordem e sua garra, mas ela não sabe se é capaz de levar isso a frente, afinal ela é apenas uma garota do deserto, e apesar do deserto estar em sua alma, ela não pode vencer sozinha.

Não existe a possibilidade de falar muito desse livro sem dar spoiler ou revelar momentos que tirariam toda a graça da leitura. À espera por a Heroína da Alvorada foi longa, e quando ele enfim chegou resolvi fazer uma maratona e me colocar em dia com os acontecimentos, e talvez essa tenha sido minha falha, o primeiro livro é sem duvida o melhor da trilogia, sendo assim, a leitura do último nem de longe foi tão empolgante quanto a do primeiro.

A autora consegue dar continuidade na série sem perder o foco, sendo direta e dando continuidade nos problemas dos livros anteriores, ou seja, se não leu os primeiros vai com certeza ficar perdido nesse, mas ainda sim a leitura é arrastada. De todos os pontos positivos desse livro o principal é que Amani amadureceu, depois de tantas falhas nos primeiros volumes ela enfim toma consciência de que suas atitudes podem e causam mortes, mas isso não significa que as pessoas vão deixar de morrer pelas suas escolhas, significa apenas que agora ela sabe que é a culpada.


Era o que fazíamos. Sobreviver a uma luta para chegar a outra. De novo e de novo, até morrer. 


O livro continua repleto de aventura, e Jin nesse livro me parece mais omisso que nos outros, o que não me agradou em nada, já que Amani fica sem freio nenhum. Ainda sim a história é boa, e como toda fantasia cumpre o que vende, e te leva para um mundo distante é repleto de ação. Com um enredo aventureiro e cheio de tramas políticas Alwyn completa a sua saga de forma satisfatória, dando um fim esperado aos fãs de Amani. 

Mas já antecipo de ante-mão, prepare a caixa de lenços e acalante seu coração, o número de baixas é bem alto, e pode ser que seu personagem queridinho esteja no meio dela. A autora não teve piedade ao tirar de nós personagens pelos quais criamos afeto, e depois de tantas páginas juntos se torna impossível não sentir a perda ou se emocionar. 

Mas entre mortos e feridos eu indico a história, não só pelo plano de fundo ser o deserto e seus seres místicos, mas porque a personagem mesmo com seus defeitos encanta e conquista, Amani teve uma vida difícil e isso moldou muito da sua personalidade, aos poucos ela vai descobrindo que seu passado é uma mentira e vai aprendendo o que é família, o que é ser amada. E assim com os passar dos capítulos e dos volumes a autora vai amadurecendo a personagem e dando um novo rumo para a sua jornada. 

E por mais que muitos não shipassem ela com o Jin, desde o começo eu gostei dele, e nunca tive dúvidas de que ia dar certo acima de qualquer coisa, então fiquei muito feliz ao acompanhar esse casal que não foi amor miojo e nem iô iô. 

Se você leu e gostou de obras como A Rainha de Tearling ou uma Chama entre as Cinzas, A heroína da Alvorada vai com certeza te encantar!!!






1 - A Rebelde do Deserto 

2 - A Traidora do Trono 

3 - A Heroína da Alvorada 

4 - Contos de Areia e Mar 


10 comentários:

  1. Quero ler essa série muito por culpa dos comentários feitos por você hahaha já era hora da personagem amadurecer, né? Por favor! Enfim, li a resenha meio que passando os olhos porque qualquer spoiler nesse momento é decisivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Day,
      Que bom saber que meus comentários te deixaram curiosa, tentei segurar ao máximo os acontecimentos, mas terceiro livro de uma série acaba ficando impossível não soltar nada, mas eu gosto demais dessa série, dela e da Rainha de Tearling que também é fantasia, mas leia e me conta o que achou.

      Beijokas

      Excluir
  2. Oi Kelly!
    Essa trilogia faz um tempo que quero ler, adoro essas capas, mas ainda não tirei um tempo para isso. As vezes é assim mesmo o primeiro livro sempre é melhor que os outros e mais empolgante também, que pena que a leitura se arrastou, mas se terminou satisfatório então está bom, vou ler com certeza e agora muito mais pois fiquei curiosa sobre a trama. Parabéns pela resenha, bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris,
      Obrigada, realmente ficou arrastado, mas não posso culpar só o livro, esse mês foi a festa das catástrofes na família, então ficou bem difícil me concentrar e curtir a leitura, ainda sim o primeiro livro é muito bom!! E vale à pena a leitura, eu super indico, leia e me diz o que achou.

      Beijokas

      Excluir
  3. Oi, sou super curiosa para ler essa série. Acho muito interessante essa ambientação no deserto. Pena que não superou o primeiro, mas me parece ter sido um bom desenvolvimento para a trama.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari,
      É a segunda série que leio com essa ambientação e posso dizer que é bem diferente mesmo, e eu particularmente adoro hahah, sim não foi o melhor, mas foi satisfatório sim.

      Beijokas

      Excluir
  4. Oi Kelly.

    Ainda não li os livros anteriores dessa série, mas pela sua resenha, a história parece ser bacana de acompanhar. Eu fiquei bem curiosa para conferir essas aventuras e espero ter a chance de lê-lo.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kênia,
      Espero que leia para conversarmos sobre a série, conheço muita gente que quer ler e pouquinhas que leram, falta gente pra conversar, leia e me conte o que achou!!

      Beijokas

      Excluir
  5. Olá, Kelly! Ainda não tive a oportunidade de encontrá-lo nas livrarias locais mas eu quero muito esses livros! Além da edição linda, a história é muito boa! Ótima resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Yellow,
      Obrigada, vou te confessar que faz muito tempo que não compro livros em livraria , só pelos sites mesmo!!

      Beijokas

      Excluir

Seja bem vindo!
Muito obrigada pelo seu comentário, sua visita é muito importante para o Paraíso!!
Volte sempre

Tecnologia do Blogger.