[Resenha] A Garota do Calendário #Janeiro - Audrey Carlan

Título: A Garota do Calendário Janeiro - Livro 01
Série: A Garota do Calendário #01
Autora: Audrey Carlan
Editora: Editora Verus
Páginas: 144
Ano: 2016
Lançamento: 20/06

Sinopse:

Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. O fenômeno editorial do ano e best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato.
A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil.
Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser...
Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele. 




Olá pessoal!
Hoje vamos conversar sobre o lançamento da Verus que está bombando nas redes sociais!!! Acredito que todo mundo já tenha visto a capa de A garota do calendário passeando por aí, pois é, o Paraíso foi um dos blogs selecionados para receber a prova desse livro magnífico e contar pra vocês com antecedência o que rola na série. Vamos lá?


Mia Saunders é uma jovem de 25 anos que se vê obrigada a trabalhar como acompanhante de luxo para sanar uma dívida de seu pai com um agiota. Desde que sua mãe abandonou a família quando ela tinha dez anos, Mia tomou para si a responsabilidade de criar a irmã enquanto seu pai afundava cada vez mais na bebida e se endividava em jogos de cassino.


Mia é uma jovem que se apaixona fácil, e sofre mais fácil ainda, um de seus últimos namorados Blaine, era um agiota sem escrúpulos, que a usou para se aproximar de seu pai e agora cobra a dívida feita pelo mesmo em troca da vida da família. Perdida e sem saber como juntar 1 milhão de dólares Mia aceita a proposta de sua tia Milie, e durante um ano irá trabalhar como acompanhante de luxo, tendo os próximos 12 meses comprometidos, cada mês para um cliente diferente.



                   "Ele se chamava Blaine, mas seu nome deveria ser Lúcifer."

Ser acompanhante de luxo, não é ser prostituta, mas Mia possui a opção de ir para cama com seus clientes e faturar uma alta comissão extra, revendo seus conceitos e suas necessidades ela se vê em uma encruzilhada... Se deitar e faturar mais, podendo assim ajudar sua família, ou não ceder e passar os 12 meses trabalhando duro.

Como seu primeiro serviço Mia passará 24 dias sendo acompanhante de luxo de Wes Chaning, um roteirista de cinema famoso e muito sedutor, depois de conhecer seu cliente de tirar o fôlego ela irá perceber que ir para os finalmentes pode ser mais fácil do que ela imagina.



 "Ele se recostou e cruzou os pés. Ah, eu não tinha notado seus pés.(...) A libido que eu tinha chutado para o meio-fio espiou de seu esconderijo e estava prestando muita atenção nos mínimos detalhes do homem diante de mim. Não era justo. Até os pés dele eram sexy."

O livro é curto e a leitura flui que é uma beleza, comecei assim que a mostra chegou e quando percebi já estava no fim ansiando por mais Mia e seus clientes.Com um escrita leve e viciante Audrey tem tudo para conquistar uma legião de fãs brasileiros com essa sua série pra lá de inusitada e divertida.

A protagonista é cativante, e com o passar das folhas se torna impossível não se apaixonar por Mia e consequentemente por Wes. A capa, ou melhor, "As" capas que já foram liberadas na mídia são lindas e tem tudo para chamar a atenção! 


Uma leitura hot e engrassadísma que tem tudo pra dar certo e do que depender de mim já deu, pois amei cada minuto da leitura e estou ansiosa para saber como Mia vai se aventurar nesses meses que virão!


"Mesmo vestida como uma Barbie, interpretando o papel de uma acompanhante-troféu, eu ainda sou Mia Saunders. A garota que criou a irmã desde que ela tinha cinco anos, que cuidou de si mesma e que iria salvar a vida do pai...mais uma vez. E eu esperava que fosse a última."

Agradeço a galera da Verus por me concederem este presente fofo e confiarem na minha análise para ajudar em uma divulgação tão importante. Enfim pra quem curtiu e pretende se aventurar os 2 primeiros volumes já estão à venda e vocês poderão se deliciar com esses meses de aventura da Nossa Mia.


Livro super recomendado para quem gosta de uma aventura picante e uma protagonista apaixonante! Favoritado com certeza.



6 comentários:

  1. Oi BFF!!!!
    Estava mega ansiosa para ler sua resenha de A Garota do Calendário para decidir se embarco em mais essa série ou não, afinal ouvi dizer que serão doze livros :o
    E vc super conseguiu, quero muito conhecer as aventuras da Mia por esse ano louco que ela vai ter.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. A capa ficou linda demais, com certeza! Mas não é um tipo de leitura que me atrai. Fico feliz que tenha achado a protagonista apaixonante e a leitura divertida, mas realmente não tenho nenhuma paciência para literatura hot.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  3. Não é o estilo de livro que costumo ler, mas pela ótima campanha de marketing da editora acredito que será um sucesso, pois público tem.
    Um abç

    ResponderExcluir
  4. Oi Kelly, tudo bem?
    A capa ta linda eu votei nela!!
    Eu estou observando muita gente elogiando esse livro, únicas coisa que me desanima serão 12 volumes 🙈 muito tempo de leitura com uma só autora.
    Mas a história parece ser bem gostosa e rapidinha.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tenho visto muita propaganda em cima dessa série, eu não curto muito o gênero, mas confesso que fiquei curiosa com a sinopse e sua resenha.

    Abraços

    ResponderExcluir

Seja bem vindo!
Muito obrigada pelo seu comentário, sua visita é muito importante para o Paraíso!!
Volte sempre

Tecnologia do Blogger.