[Resenha] Cem Facetas do Sr. Diamonds: Luminoso - Emma Green #1

Título: Cem Facetas do Sr. Dimonds: Luminoso
Série: Cem Facetas do Sr. Diamonds #1
Autora: Emma Green
Páginas: 73
Editora: Addictive Publishing 
Ano: 2013

Sinopse: Ele é bonito, ele é poderoso, ele é multimilionário!
Gabriel Diamonds, personagem fascinante por mais de uma razão, vai seduzir a jovem e bela Amandine e levá-la à descoberta de um mundo que até agora lhe era desconhecido, feito de luxo, de prazeres e sobretudo de relações carnais voluptuosas e insaciáveis. Atenção, as portas do desejo apenas se abrem, resta saber até onde elas os levarão…Luminoso é o primeiro volume das Cem facetas do Sr. Diamonds, a saga que fará esquecer Cinquenta tons de cinza!



Olá pessoas bonitas ^^
Hoje lhes trago a resenha de um livro que estava de graça na Amazon outro dia e eu resolvi colocar no meu Kindle. Eu estava com insônia e resolvi ler de madrugada. Que arrependimento!
Deveria ter contado carneirinho rsrs
"Luminoso é o primeiro volume das Cem facetas do Sr. Diamonds, a saga que fará esquecer Cinquenta tons de cinza!"

Primeiro: Esse é um livro, ou melhor, conto, que pecou e foi fisgado e morto logo pela sinopse, assim como Dezesseis Luas que quis se comparar a Crepúsculo - Coitados!. Esse livro JAMAIS chegará aos pés de 50 Tons de Cinza.
Segundo: O livro não tem uma história coerente e é totalmente sem sentido. A história esta cheia de erros ortográficos, a estruturação da história é péssima e tudo é muito forçado. Um olhar, uma entrevista e pimba! Acaba em sexo. Não gostei disso. Nunca havia procurado resenhas a respeito e só fui fazer isso depois que li. Deveria ter feito isso antes, pois todas as resenhas dizem exatamente o que eu vi. O livro é péssimo!
Amandine é uma personagem totalmente sem sal nem açúcar. Gabriel Diamonds então, piorou. Ele é totalmente sem personalidade. A autora tentou transformar ele em um Dominador estilo Christian Grey, mas só conseguiu me fazer rir para não chorar.
A história nos trás uma versão estilo 50 Tons de Cinza onde, Gabriel Diamonds é um multimilionário dominador, dono de quase todos os vinhedos da França e Amandine, é uma estudante de Jornalismo que vai para um evento promovido em uma vinícula, representar seu chefe e consecutivamente, conseguir uma entrevista com Diamonds.
Durante a viagem até a vinícula, Amandine vê uma foto do empresário e já começa ter fantasias com ele. No primeiro dia do fim de semana, há uma apresentação de música clássica, onde a "atração" entre eles vem com força total em apenas um olhar. Os dois se cruzam no escuro e é como se faíscas se cruzassem no ar entre eles. Gabriel começa a demonstrar seu poder sob Amande - maneira como ele insiste em chamá-la -, e o clima de sedução é quase palpável entre eles. Nada acontece pois são interrompidos. No dia seguinte, durante o café da manhã, ela ganha o suéter com o perfume dele - isso me lembrou um cachorro tentando marcar território rs' -, e quando ela sobe para o quarto, ele agarra ela com força e a beija.  Nessa cena temos um visão perfeita de 50 Tons, pois ele levanta os braços dela, imobilizando-a e há uma outra mais para frente, que é mais "50 Tons" ainda. Quando eles se reencontram tempos depois em uma galeria de arte, há uma cena quente dentro de um elevador - não disse que era bem estilo 50 Tons de Cinza, ou seria, cópia?!
Amadine já teve outros homens, mas nenhum despertou sua "voz interior". Em 50 Tons é a "Deusa Interior" da Ana.
Não há relação BDSM no livro, porém, Gabriel Diamonds é muito persuasivo. Para ele a sua vontade prevalece e ponto final. Diferente de Christian Grey. Ele ainda sabe o significado da palavra respeito, já Diamonds, não.
Agora vamos ressaltar um ponto... Diamonds tenta pagar as "passagens do trem" para Amandine. Trem? Sério? O cara é podre de rico e paga passagens de trem para a "amante"? Acho que todos se lembram que em 50 Tons de Cinza, Grey paga as passagens de avião da primeira classe para Ana.
Alguém tentou copiar legal a obra e pecou feio na criatividade - também -, não é produção?!
No final do livro, ele marca um encontro com ela numa mansão afastada da cidade e depois de usar e abusar dela, ele deixa um bilhete para ela. E assim, termina o livro.
Como escritora e crítica, posso dizer: nada nesse livro foi bem construído. Nem o enredo, nem os personagens, nem as emoções e as cenas de sexo então, piorou. Nunca pensei que fosse dizer isso, mas não indico esse livro para ninguém!
Com tantos e-books independentes na Amazon, com histórias tão maravilhosas, eu realmente não sei como esse livro foi publicado. O final da história deixou um ponto de interrogação bem grande. Termina muito repentinamente e não é instigante para conhecer os demais livros da série. Não sei se vocês já leram essa história ou os demais livro, mas eu particularmente não gostei. Não detestei, mas para mim é um livro muito mal escrito, além da leitura ser massante. São apenas 73 páginas, mas parece que são 500 de tão ruim que é.
Para quem já não gosta de 50 Tons de Cinza, provavelmente vai odiar ainda mais esse livro. Não recomendo!
Eu gosto muito de 50 Tons, mas Cem Facetas de Sr. Diamonds, é definitivamente a cópia mal feita de 50 Tons de Cinza. Essa história tinha tudo para ser boa se a autora não tivesse tentado imitar descaradamente E. L. James e soubesse construir um romance, mas... Infelizmente, ela pecou e feio!
Plágio de 50 Tons? Imagina... Talvez sejam apenas MUITAS coincidências.

Bom galera, fica a dica para vocês. Beijos e até a próxima! ♥

10 comentários:

  1. Oi Luna, sabe que eu nunca tinha ouvido falar desse livro? Eu adoro a trilogia dos 50 tons de cinza, eu pelo que você comentou na resenha, esse livro não chega aos pés da trilogia. Não fiquei com vontade de ler ele, vou ficar com meus 50 tons mesmo !

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
  2. OI Luna!!
    Olha, pra mim tem muita cópia de 50 tons por ai e todas tão ruins quando o precursor. Não gosto de 50 tons, acho uma história fraca, imagina se eu pego um conto desses pra ler?! Acho que corto meus pulsos com uma faquinha de rocambole!! hahaha
    Gente, como pode o povo não ter criatividade e só querer escrever um conto para ter sucesso nas costas de um Best Seller?! Mesmo que eu não goste de 50 tons, acho que ninguém precisa copiar nada para escrever um bom livro HOT, sabe?
    Nunca tinha lido uma resenha tão verdadeira, com uma opinião tão sincera sobre um livro/conto! Parabéns!!
    Beijos

    LuMartinho

    ResponderExcluir
  3. Gente, nunca li uma resenha que detonasse tanto um livro kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Depois de 50 tons acho que todo mundo começou a achar que poderia escrever um romance erótico. Eu gostei de 50 tons, mas morro de medo de ler outros livros do gênero por achar que serão imitações, e parece que foi o caso desse. Pelo visto, a autora sequer se esforçou para criar novas cenas e inovar no enredo. E agora que baixei o kindle, to com medo de me deparar com essas coisas!!! Bjs

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    Também não entendo essas estórias em basta uma troca de olhares e pronto! Estão apaixonados e transando loucamente. Se eu quisesse ver uma estória assim assistiria filme porno! haha
    Maas enfim.. Eu não leria já pelos erros ortográficos, qualquer livros com erros assim, por mais que a estória seja interessante, me desanimam a continuar a leitura.

    Beijos, estou seguindo aqui!
    O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir
  5. Luna, realmente parece ser muito chato pelo que você disse.
    Não deu nenhuma pequena vontade de ler.
    Como pode dizer que 50 tons será esquecido por ele? Aff!
    As vezes a insônia pode nos trazer péssimas leituras. kkkk

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  6. Amiga olha eu não tinha visto esse livro ainda, mas pelo jeito que você falou ele não te agradou muito né? Mas tem livros mesmo que a gente não consegue se adaptar e o pior ainda quando pega um que se compara a outros. Mas mesmo assim gostei das suas impressões. Eu não tenho interesse, porque eu não leio ebook, mas espero ter o costume assim que comprar um kindle paperwhite pra mim, porque logo logo vou precisar para parar de comprar livros hahahaha

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/03/dia-de-quote-2.html

    ResponderExcluir
  7. É uma pena quando pegamos um livro que nos decepcione tanto. E hoje é tão comum isso alguns autores quererem pegar carona no sucesso dos outros, muito chato isso.

    Seu blog é lindo, parabéns.
    Dani Cruz
    http://blog-emcomum.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Luna!
    Já não gosto de 50 tons, e desse eu com certeza passo longe, porque como você já disse, é uma cópia mal feita, e se eu não gosto nem da original imagina da cópia, haha!

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Luna!
    Muito obrigada pelo aviso, detestei 50 Tons então nem vou me aproximar desse livro! kkkkkkk
    Acredito que sempre que um livro é escrito tentando pegar carona no sucesso de outro o resultado é esse: fracasso absoluto!!! Nem sei porque ainda tentam, será que não percebem que a criatividade e o novo sempre são mais valorizados do a cópia? Que o mercado literário já está repleto de mais do mesmo? Nós leitores merecemos bem mais do que isso...

    B-jussss!

    ResponderExcluir
  10. Eu nunca li um livro com final Tão Pessimo como esse.E n tem nada de melhor do que 50 tons de cinza.Ainda fico com 50 tons.Esse foi perca de tempo.

    ResponderExcluir

Seja bem vindo!
Muito obrigada pelo seu comentário, sua visita é muito importante para o Paraíso!!
Volte sempre

Tecnologia do Blogger.